Moradora da Vila Cruzeiro busca ajuda para comprar triciclo elétrico 

Com deficiência na locomoção, Claudia Sacramento pede ajuda online para comprar triciclo para pessoa com deficiência

Ir a um compromisso de trabalho, ministrar uma palestra, andar pelas ruas de sua comunidade se tornou um desafio diário para Claudia Sacramento, que foi diagnóstica com poliomielite aos 06 meses de idade e desde então tem dificuldades de locomoção. 

Nascida e criada na Vila Cruzeiro, Claudia contou que ao longo de seus 49 anos, sempre teve que se superar devido aos movimentos limitados e com o passar dos anos, a idade trouxe ainda mais limitações. 

‘Eu sempre andei a comunidade ponta a ponta, tem poucos lugares que eu não conheça, mas conforme a idade foi chegando as coisas ficaram mais complicadas, para quem não tem deficiência, a idade já pesa, para mim é duas vezes mais difícil. É dor na coluna, na perna, dificuldade para andar, tenho deixado de sair por causa de tudo isso’, contou ela. 

Teste 2

O problema, que compromete sua locomoção e sua independência pode ser amenizado com o uso de um triciclo para deficiente que custa cerca de R$ 7 mil. E, para conseguir esse instrumento de extrema importância, Claudia, organizou uma vaquinha online para arrecadar o valor necessário.

‘Me sinto triste quando não consigo fazer coisas simples, como ir ao banco. Quase perdi meu benefício porque estava muito difícil de ir na agencia fazer a prova de vida. Esse triciclo vai me ajudar muito, muito mesmo, voltarei a ter minha independência de ir e vir’, explicou Claudia.

Como ajudar?

Acesse o site: https://www.vakinha.com.br/vaquinha/565219  e faça sua doação. 

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]